Co-criador de Lucifer respondeu os fãs sobre quando a 2ª parte da 5ªtemporada deve chegar a Netflix.

Com toda a certeza um dos nossos gêneros favoritos são aqueles que envolvem misticismo e fantasia, não é mesmo? Temos muitas séries e filmes que nos prendem ao abordar sobre esse tipo de assunto. Um grande exemplo é o seriado Supernatural.

Outro grande exemplo, e assunto principal aqui e hoje é o seriado original da Netflix intitulado e protagonizado por Lucifer. Em uma mistura de investigação, drama e comédia, o programa sobre o rei inferno vem nos conquistando já a 5 anos.

Apesar de dar as caras na televisão, o personagem na realidade foi inspirado e possui seu arco adaptado de sua versão em quadrinhos. Estes quadrinhos foram criados por Neil Gaiman, e são uma subsérie originarias dos quadrinhos de seu personagem de maior reconhecimento, o famoso Sandman, o qual logo dará as caras em sua própria série, também na Netflix.

Antes de irmos a noticia central, fique com algumas curiosidades!

Sendo uma adaptação de outra mídia, o seriado e seus elementos vieram a sofrer alterações da obra original, e hoje, vamos falar um pouco sobre essas diferenças. Sem mais delongas, vamos lá Seriadores!

As Grandes Diferenças Entre Mídias

Quando uma obra é reimaginada em uma diferente mídia, muitas mudanças precisam ser feitas para que ela se encaixe e se adapte melhor ao novo formato. São poucas as vezes em que os produtos originais são fielmente retratados, e essa é uma coisa muito difícil de se replicar e então vir a funcionar.

Leia também:

Outras vezes, alguns detalhes são removidos e ou adicionados por simples decisões de liberdade criativa por parte dos encarregados pelo “novo” produto. Com base nisso, reunimos para lhes mostrar as diferenças mais interessantes entre quadrinhos e série. Confiram.

Chloe Não Existia?

Sim, isso mesmo, a detetive responsável por humanizar o então e proclamado diabo, nunca chegou a ser uma personagem importante ou existente nas hqs. Ela foi criada para o seriado com a intenção de ser a ponte que une Lucifer ao seu lado angelical e empático. Alias, Lucifer se mantem por bastante tempo como um dos seres mais egoístas nos quadrinhos, além de quase não possuir um par romântico fixo, estando com diversas pessoas e seres ao longo da história.

Cabelos Angelicais

Diferente de seus cabelos escuros, nas hqs Lucifer possui cabelos loiros. Neil já chegou a comentar que o visual do personagem foi inspirado pela aparência do lendário músico David Bowie. Curiosamente, o personagem Amenadiel também possui diferenças visuais de sua versão em quadrinhos, onde lá ele se parecia mais com o personagem Geralt De Rivia do seriado da Netflix chamado The Witcher.

Menos Brincalhão

Ao contrário de seu comportamento e personalidade bem humorada, nos quadrinhos, o personagem Lucifer possui o temperamento e carisma mais contidos, sendo mais sério e muito mais sarcástico do que engraçado, e em poucas ocasiões, normalmente apenas quando é contrariado e ou confrontado por alguém.

Um dos Primeiros Crushs

Apesar de ser sua aliada, Maze não é uma personagem que evolui seu afeto pelo rei do inferno no seriado, porém, nos quadrinhos, ela e Lucifer acabam se tornando interessados amorosamente um ao outro, logo nos primeiros arcos do personagem.

Maternidade Inventada

Outro caso de personagem criado para o seriado, é o da personagem de nome e real Mãe de Lucifer. Ela foi criada com o mesmo intuito de Chloe, porém, com um papel mais abrangente, sendo quem traz a nós mais da origem do personagem, o dando mais profundidade e o tornando mais complexo e completo de maneira geral.

Motivo da Fuga

Por último, sabemos que a primeira informação que nos é dada no seriado é de que o arcanjo caído abandonou seu posto como governante do inferno por conta própria e por simplesmente estar entediado. Mas, nos quadrinhos, o personagem decide abandonar o inferno por estar cansado de ser responsabilizado pelos pecados alheios, sendo que ele nunca chegou a influenciar ninguém, ele apenas tinha o dever de os punir por suas escolhas e por suas próprias e individuais ações.

Co-criador de Lucifer revela que a segunda parte da 5ªtemporada não chegará esse ano.

Lucifer
Reprodução: Netflix

Em seu twitter, Joe Henderson comemorou o fim das gravações da 2ª parte de Lucifer e o inicio das gravações da 6ªtemporada.

Enquanto a segunda parte da 5ªtemporada terá 8 episódios(totalizando 16 episódios totais da temporada), a 6ª temporada só nos trará 10 episódios totais.

Joe também respondeu alguns fãs em seu twitter, revelando que a segunda parte não tem chances de chegar em 2020.

“Eu realmente não sei quanto tempo vai demorar, mas acho que todos deveriam se preparar para isso demorando mais do que gostariam (definitivamente não é dezembro)”, revelou o criador.

A segunda parte teria maiores chances de estrear em 2020, se as gravações da temporada tivessem sido finalizadas em março.

A segunda parte só deve chegar a Netflix no primeiro semestre de 2021.

Tudo que sabemos sobre a 2ª parte você encontra AQUI(constantemente atualizado).

Leave A Reply